IPVA e DPVAT – Como se Organizar Para Pagar

Ainda dá tempo de programar sua viagem de Fim de Ano.
20 de dezembro de 2019
Como organizar as contas de início de ano
24 de janeiro de 2020

Começo de ano é sempre complicado para quem precisa colocar as contas no azul. Além de matrículas, IPTU e outras taxas, é necessário pagar IPVA, DPVAT e Licenciamento.

O DPVAT (Danos Pessoais por Veículos Automotores Terrestres) é um recolhimento obrigatório e anual para todos que possuem veículo. Ele cobre casos de mortes, algumas despesas médicas por lesões causadas no trânsito e invalidez permanente.

O IPVA é o Imposto sobre Propriedade Veicular Automotiva. Contribui para os Cofres do Município, para estados e Distrito Federal, que definem como e onde serão aplicados este recurso. O valor pode variar de acordo com o Ano, Tamanho, Estado e Tipo do veículo.

Sem o pagamento do IPVA, o condutor fica impossibilitado de fazer um novo licenciamento, além de receber multas e pontos na carteira. Caso o pagamento atrase, será cobrados juros a cada dia de atraso.

Uma boa forma de economizar na hora destas contas, é pagar à vista. Além do desconto dado até o vencimento do prazo, elimina parcelas que iriam juntar nos outros meses.

Se não está sobrando dinheiro para isso, não se preocupe, temos uma opção para você, aposentados, pensionistas do INSS, servidores públicos ou militares das forças armadas: CRÉDITO CONSIGNADO.

Contando com ele, você garante que todas as suas contas sejam pagas de uma vez só, sem se preocupar com a sua renda mensal fixa. O Crédito Consignado garante menor taxa de juros; parcelas fixas que cabem no bolso; parcelas debitadas diretamente do seu holerite e dinheiro na mão de maneira rápida e segura e muito mais.

Se interessou? Entre em contato para mais informações clicando aqui.